Logo Alfaro
Fale com o Alfaro
Promovendo cidadania com informação
banner Alfarobanner Alfarobanner Alfaro

COPA NO BRASIL - FIFA - MAIS FANTASMAS!

terça-feira, 24 de Junho de 2014 | 11:59

Não bastassem os fantasmas das refinarias da Petrobrás ( Pasadena e Abreu de Lima ) a nos assombrar, podem aparecer outros bem horripilantes. Foram gastos cerca de R$8bilhões em estádios ( um já considerado por muitos como o maior elefante branco do mundo, Arena de Manaus ); poder-se-ia construir 2.263 escolas para 432 alunos por turno, segundo informações da ONG Associação Contas Abertas.

Muitos protestos foram/estão sendo realizados – não contra a Copa, mas pela forma como ela foi concebida/estruturada aqui. Nós, tupiniquins, estamos nos sentindo ludibriados.

Um dos protestos, no Rio, me chamou a atenção pela simplicidade, forma e objetividade. O Movimento Rio da Paz desfilou em Copacabana com 12 cartões vermelhos gigantes ( com 2 metros de altura ) , em alusão às cidades-sede do mundial. Fincaram os cartões nas areias da praia com o objetivo de cobrar da FIFA a ampliação de suas ações sociais no Brasil em razão do lucro e ganho com impostos perdoados que a entidade está obtendo com a Copa.

Como disse o colega e inteligente jornalista papareia André Zenobini, “ o povão não entende, não alcança....”. Pudera! Os valores são tão fantásticos que fica difícil – sem uma boa base de educação, no caso de finanças/matemática – o seu entendimento.

A FIFA, pasmem, foi isentada, no Brasil, de pagar mais de R$1.000.000.000,00 ( hum bilhão de reais ) de impostos que outros países – que acolheram o mega evento – receberam.

O Grupo lançou a pergunta: “ Quem teve a idéia de liberar a FIFA dos impostos?”

Os líderes do movimento realizaram reuniões com a FIFA, em fevereiro e neste mês. A idéia seria criar um fundo para a construção de campos de peladas em comunidades pobres e para melhorias em quadras esportivas de escolas públicas brasileiras. O retorno...negativo!

O empresário José Carlos Nery, do Rio, disse que “ se a gente atrasa o pagamento, é cobrada multa de 100% em cima do imposto devido. Dívidas e juros contam como receita para o governo. É absurdo a FIFA estar isenta de impostos. Quem paga a conta somos nós, pequenos e médios empresários. Levanto um, não, mas dois cartões vermelhos”.

Minha opinião: Nós todos, além dos empresários, pagaremos a conta. Mesmo isentos de IR, se vamos ao super há um cipoal de impostos embutidos em cada quilo de feijão, em cada quilo de carne, etc. que se compra. E a FIFA? Por que não paga? Tenho fé, pois temos instituições isentas, como os MPs, que os responsáveis pelas farras de superfaturamentos e concessões descabidas sejam identificados e, se for o caso, responsabilizados e punidos!

Economista*


Escrito por Nerino Dionello Piotto

Comentários (0) | Indicar um amigo


^ topo

QUEM SOU

Alberto Amaral Alfaro

natural de Rio Grande – RS, advogado, empresário, corretor de imóveis, radialista e blogueiro.

ENTREVISTAS

O QUE EU LEIO

ÚLTIMAS 10 POSTAGENS


Ouça a Rádio Cultura Riograndina

ARQUIVOS

Alfaro Negócios Imobiliários
WD House

Blog do @lfaro - Todos os direitos reservados